top of page

A Não Interferência - a cereja do bolo do Natal



A não interferência deixa as reuniões fluidas e leves

Nessa época de Natal, muitas pessoas se reúnem por escolha ou por convenção. Não importa qual seja o motivo, deixo aqui um lembrete que, pra mim é a cereja do bolo do Natal: 


Não interfira ou não dê opinião sem alguém pedir. 


A não interferência é fundamental para manter a energia fluida e leve em reuniões familiares, de amigos ou de colegas de trabalho. 


Muitas vezes, as pessoas interferem na dinâmica do outro por achar que está ajudando ou evitando algum problema. Mas é exatamente o contrário.  


Muitas vezes, quando interferimos ou damos opinião sem alguém nos pedir, estamos criando um campo energético de controle, que é traduzido como falta de confiança no próprio fluxo e escolhas individuais.  


A energia de controle, mais cedo ou mais tarde, reverbera contra nós mesm@s, pois ela é uma energia de mão dupla: se interferimos na vida de alguém, alguém também interferirá na nossa vida. E pode ser que nem seja exatamente a mesma pessoa na qual interferimos. Mas nos depararemos com alguma situação em que sentiremos essa interferência. 


A melhor forma de lidar bem com as pessoas é construir uma relação de autoconfiança. Assim, vivenciamos uma melhor qualidade de presença com elas e experimentamos mais consciência para aproveitar cada momento com quem verdadeiramente vale a pena. 


Além do meu companheiro, minha mãe é uma das pessoas com a qual eu experiencio mais a não interferência. Ela é uma senhora de 76 anos, muito ativa e que tem seus hábitos particulares, como qualquer pessoa. Eu vou visitá-la com frequência e compartilho com ela como filha e observadora, procurando não interferir na sua dinâmica, principalmente ficando atenta para não invalidá-la de várias formas sutis por ser idosa. 


Ao construir um melhor autoconvívio, temos mais habilidade para lidar bem com os outros também. 


Podemos gerenciar a forma como atuamos nessa época (e na vida), expressando o melhor de nós, nos respeitando e também respeitando quem está conosco. 



Comments


bottom of page